Visitas de estrangeiros cai em mais de 90%
coronavírus no Japão Covid-19 no Japão Notícias notícias do Japão Turismo

Visitas ao Japão cai 93.6% no mês de março devido a restrições

País não está perto de abrir fronteiras para turistas estrangeiros e enfrenta aumento de infecções nas maiores cidades

O número de visitantes estrangeiros no Japão caiu 93.6% em comparação com 2020, segundo dados divulgados pelo governo e veiculadas pelo Japan Times.

Afinal, o país colocou em prática medidas restritivas para conter o avanço de coronavírus no Japão. Atualmente, as regiões de Tokyo, Kyoto, Hyogo e Osaka estão em estado de emergência desde o dia 23 de abril.

O anúncio foi feito antes do feriadão Golden Week. Isso quer dizer que perto do maior feriado do Japão, bares, restaurantes, cinemas, parques temáticos e demais estabelecimentos comerciais estarão com horários reduzidos.

O estado de emergência termina apenas no dia 11 de maio.

Leia também:

Japão declara estado de emergência em 4 regiões

Além disso, a vacinação segue em ritmo lento. Menos de 1% da população tomou o imunizante da Pfzier. A estimativa é que a vacinação de idosos termine em julho.

Em setembro, o país receberá mais doses da Pfizer para conseguir prosseguir com a vacinação da população em geral.

Japão está fechado para 152 países

Atualmente, o país está fechado para uma lista de 152 países por tempo indeterminado. Portanto, turistas estrangeiros não podem entrar, assim como estudantes e trabalhadores em viagens de negócio.

Quem recebe autorização para entrar passa por quarentena de 14 dias logo após a chegada em local específico.

Nem mesmo os estrangeiros residentes estão conseguindo entrar se tiverem passado pelos países da lista. Atualmente, está quase impossível visitar o país a não ser que seja cidadão japonês.

Enquanto isso, o Comitê Organizacional das Olimpíadas de Tokyo 2020 já avisaram que os visitantes estrangeiros não poderão assistir os jogos pessoalmente.

Leia também:

Jogos Olímpicos acontecerão em julho sem espectadores estrangeiros

A decisão considerada difícil foi anunciada esta semana, mas estava sendo especulada e adiada. Afinal, sem os espectadores estrangeiros o consumo cairá entre 60 a 70 bilhões de ienes do total projetado de 207.9 bilhões que o evento movimentaria na economia japonesa.

Diferenças enormes

Os números impressionam, pois há dois anos, o número de visitantes estrangeiros batia recordes.

Foram 31.9 milhões de visitas em 2019 após as campanhas feitas pelo governo japonês com base no projeto Abenomics do ex Primeiro-Ministro Shinzo Abe veiculados nos últimos sete anos.

O turismo era uma das frentes que prometiam revitalizar a economia japonesa. Além disso, o país enfrentava uma queda no número de turistas após o Grande Terremoto de Tohoku em 2011.

Em 2020 foram cerca de 4 milhões de turistas estrangeiros. Nos últimos onze meses, a média de visitas mensal ficou entre 1.700 a 2.900.

0 comentário em “Visitas ao Japão cai 93.6% no mês de março devido a restrições

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s