coronavírus no Japão Covid-19 no Japão

Coronavírus no Japão, 13 de março de 2021

Confira o relatório de novas infecções de coronavírus no Japão, vacinação de idosos deverá começar em abril em 30 prefeituras, país receberá mais 100 milhões de doses de imunizantes da Pfizer-BioNTech em junho e confira o status de imunização atual com quantidade de pessoas vacinadas e que sofreram efeitos colaterais

Neste sábado foram divulgados os dados sobre novos infectados pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 no Japão. Os dados são referentes aos testes realizados no dia 10 de março, quarta-feira.

Tokyo conduziu 7.827 testes PCR na quarta-feira em toda a prefeitura e confirmou 330 novos casos do novo coronavírus SARS-CoV-2, 26 casos a mais do relatado na sexta-feira (12) relativo aos testes conduzidos no dia 9, terça-feira. Dos contaminados, 189 eram do sexo masculino e 141 do sexo feminino.

Infecções pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 não estão diminuindo na Região Metropolitana de Tokyo apesar da extensão do estado de emergência
Infecções pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 não estão diminuindo na Região Metropolitana de Tokyo apesar da extensão do estado de emergência

Em todo o território nacional foram confirmados 1.320 novos casos de COVID-19, dos quais 337 apresentaram sintomas graves e precisaram ser hospitalizados (40 em Tokyo). Foram registrados 51 óbitos relacionados a doença.

Além da prefeitura de Tokyo, as regiões mais afetadas pela pandemia foram Saitama (183), Chiba (129), Osaka (120), Kanagawa (95), Hokkaido (58), Aichi (55), Miyagi (55), Hyogo (54), Fukuoka (41) e Okinawa (30).

Japão deverá começar imunização de idosos de forma limitada

De acordo com uma enquete realizada pela Kyodo News entre os dias 8 a 12 de março, 30 das 47 prefeituras do Japão deverão começar a imunizar seu idosos no começo do mês de abril de forma limitada e começando por áreas com maior densidade demográfica.

Outras 12 prefeituras ainda não chegaram a uma decisão sobre como farão a vacinação, se começará pelo interior ou pelas suas grandes cidades levando em consideração os recursos limitados de imunizantes, seringas e pessoal, por isso, não comentaram sobre o planejamento.

Idosos a partir de 65 anos deverão começar a serem vacinados a partir do mês que vem
Idosos a partir de 65 anos deverão começar a serem vacinados a partir do mês que vem

As prefeituras de Toyama e Shizuoka informaram que farão um pronunciamento sobre a imunização dos idosos em breve, já as prefeituras de Fukushima, Fukui e Kochi ainda estão trabalhando em um plano.

Apesar do governo central ter estabelecido o início da vacinação dos 36 milhões de japoneses a partir de 65 anos para o dia 12 de abril, não foi divulgado nenhum plano detalhado sobre pessoal, suprimentos e quantidades que cada prefeitura receberá.

A meta estabelecida pelas autoridades, segundo o ministro encarregado pela vacinação, Taro Kono, é terminar de imunizar os idosos até o final de junho. Porém, não será tão simples, afinal, é muito mais fácil vacinar em grandes cidades, do que em vilas e vilarejos no interior do país.

Japão anuncia 100 milhões de doses dos imunizantes Pfizer-BioNTech em junho

O ministro da Reforma e Assuntos Administrativos e encarregado pela vacinação no Japão, Taro Kono, informou em coletiva de imprensa na sexta-feira que o Japão receberá aproximadamente 100 milhões de doses dos imunizantes Pfizer-BioNTech até junho.

A expectativa do primeiro-ministro Yoshihide Suga é imunizar toda a população japonesa até o final do primeiro semestre de 2021. Apesar do anúncio, a exportação dos imunizantes da fábrica belga ainda depende de aprovação do parlamento da União Europeia.

Quinta remessa de imunizantes Pfizer-BioNTech chegará ao Japão na segunda-feira, 15, de acordo com o ministro encarregado pela vacinação no Japão, Taro Kono
Quinta remessa de imunizantes Pfizer-BioNTech chegará ao Japão na segunda-feira, 15, de acordo com o ministro encarregado pela vacinação no Japão, Taro Kono

As doses em questão não representam a quantidade de frascos e sim a quantidade de doses para vacinar as pessoas, isto é, as 100 milhões de doses serão suficientes para imunizar 50 milhões de pessoas uma vez que os imunizantes Pfizer-BioNTech são vacinas de duas doses.

De acordo com o ministro Kono, após as negociações com a Pfizer, o Japão deverá receber 1,8 milhões de frascos por semana a partir de maio, o suficiente para 10,8 milhões de doses utilizando seringas de baixo volume morto.

Status da imunização do Japão

Até a quinta-feira, 11 (última compilação de dados realizada), 181.184 trabalhadores de saúde e outros profissionais que atuam na linha de frente no combate a pandemia do novo coronavírus no Japão receberam a primeira dose do imunizante.

Ritmo de vacinação depende da quantidade de suprimentos de seringas de baixo volume morto que o governo central possui
Ritmo de vacinação depende da quantidade de suprimentos de seringas de baixo volume morto que o governo central possui

De todos os vacinados, 37 pessoas sofreram com anafilaxia, mas de acordo com o ministro Kono, todos se recuperaram. Choque anafilático é uma perigosa reação alérgica e pode levar uma pessoa a óbito.

De acordo com o governo central, a quinta remessa de imunizantes Pfizer-BioNTech com aproximadamente 420 mil frascos chegarão ao Japão na segunda-feira, 15.

0 comentário em “Coronavírus no Japão, 13 de março de 2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s